Galpão 252 acolhe a ComCausa

Uma das mais importantes iniciativas de apoio aos movimentos culturais da Baixada, o Galpão 252, acolherá a ComCausa . Segundo Adriano Dias, o espaço “é um grande coração de mãe, na verdade, coração de Ricardo”, em referência ao dono do local que, despretensiosamente viabilizou um dos mais relevantes espaços culturais da Baixada, se tornando uma referência não só em Olinda, bairro de Nilópolis onde fica o Galpão 252.

 

Segundo o próprio Ricardo o Galpão começou de “uma reunião de amigos que ensaiavam próximo e resolvemos usar o espaço, daí não parou mais de chegar gente”. Agosto de 2015 e neste tempo vários movimentos socioculturais, bandas, poetas, entre outras expressões artísticas foram ocupando o local.

 

De shows de rock e reggae, passando pelo samba, saraus e rodas culturais e artes cênicas. O Galpão 252 é um ponto de cultura da Baixada Fluminense. “Agora vamos ampliar, colocamos um brechó, estamos recebendo mais iniciativas e esta relação com a ComCausa tem esta finalidade”, diz Ricardo.

 

Primeira ida da Comcausa ao Galpão 252

 

 

A finalidade é que a partir de julho de 2017 a ComCausa passe a promover ações no espaço. “Estamos planejando em somar com as iniciativas que existem e propor atividades dentro dos princípios metodológicos da ComCausa”, diz Adriano Dias, fundador da instituição.

 

Sarau sobre redução da maioridade penal do Trupe do MERDA no Galpãp 252

 

Segundo o presidente da ComCausa, Alexandre Paiva, “já fizemo várias coisas juntos, mas agora é pra valer” – e concluo - A sociedade passa um momento difícil, i inicitivas como a do Galpão 252 são os verdadeiros promotores da cultura de direitos na sociedade”.

 

A ComCausa está elaborando um portal para o Galpão 252 no endereço ComCausa.NET/galpao252, além de promover as ações do espaço cultural em seu portal Ponto de Mídia Livre, o ComCausa.net/c3

 

Acesse:

 

> ComCausa.NET/JovemFicaVivo

> ComCausa.NET/CoisasBoasDaBaixada

> ComCausa.NET

 

#CoisasBoasDaBaixada

#ComCausa

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Últimas notícias

Please reload

Please reload