Velório de Bibi Ferreira será no Theatro Municipal

13.02.2019

O velório da atriz, cantora, diretora, apresentadora e compositora Bibi Ferreira – Abigail Izquierdo Ferreira na certidão de nascimento – será nesta quinta-feira (14/02), no foyer do Theatro Municipal, das 10h às 15h. O Governo do Estado do Rio de Janeiro e a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa cederam o espaço para que a população carioca prestasse suas últimas homenagens à artista, uma das mais completas que o país já teve.

 

Bibi, que morreu no início da tarde desta quarta-feira (13/02), de problemas cardíacos, no seu apartamento da Ruy Barbosa, no Flamengo, apresentou-se diversas vezes no palco do Municipal. A primeira foi aos 16 anos, na pantomima coreográfica “João e Maria”, baseada na ópera homônima, no papel da bruxa. Em 1951, já acumulava as funções de diretora e atriz na peça “Diabinho de Saias’, de N. Krasna, e em “A Hipócrita”, de Hagar Wilde e Dale Eunson, nessa última também como tradutora.

 

Na mesma década de 50 os espectadores do Theatro Municipal puderam admirar a filha de Procópio Ferreira em ‘Beija-me e Verás”, de Frank Herbert; como protagonista de “O Noviço”, de Martins Penna;  diretora em “A Casa Fechada”, de Roberto Gomes; em “Sonho de uma noite de luar”, dirigindo e atuando; e em  “A Ceia dos Cardeais”, de Júlio Dantas, na direção. Ela também fez muito sucesso na direção da ópera “Rigoletto”, de Verdi, em 2000.

 

Tecnicamente sofisticada e dona de um grande apelo popular, Bibi teve uma carreira premiada e aplaudida. Depois do velório, seu corpo seguirá para cremação no Memorial do Carmo, às 17h, em cerimônia restrita à família e amigos.

 

#ComCausa

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Últimas notícias

Please reload

Please reload